Qual a importância de ter uma boa gestão financeira empresarial?

A gestão financeira empresarial é uma das tarefas mais importantes para o crescimento, saúde e permanência da empresa no mercado. Por essa razão, é preciso ter atenção ao tema e garantir que as melhores práticas de gestão sejam aplicadas na empresa.

Grosso modo: gestão financeira é o conjunto de práticas no intuito de conduzir eficientemente os recursos financeiros, manter a liquidez da empresa, otimizar o percentual de lucratividade das operações. Logo, todo o negócio é beneficiado.

Pensando nisso, criamos um artigo sobre essas particularidades. Hoje, você entenderá a importância de ter uma boa gestão financeira empresarial. Continue a leitura e fique por dentro do tema!

Mantém a liquidez do empreendimento

A liquidez refere-se à razão entre o que se tem a receber no curto prazo e tudo o que se tem a pagar no mesmo período. Quanto maior a liquidez de um negócio, maiores suas chances de honrar suas dívidas e permanecer ativo no médio-longo prazo.

Nesse sentido, uma boa gestão financeira garante o equilíbrio entre todas as entradas e saídas. Assim, o negócio pode sempre contar com dinheiro suficiente para pagar seus fornecedores, funcionários, investidores e demais parceiros estratégicos.

Aumenta o percentual de lucratividade

De maneira simples, o lucro é o que sobra de uma operação de venda após o pagamento de todos os custos, despesas e impostos. Se uma organização não é lucrativa, dificilmente torna-se atraente para novos investimentos.

Com a gestão financeira, é possível reduzir significativamente os custos envolvidos e, então, aumentar o lucro. Além disso, será possível otimizar os benefícios dados aos clientes, aos funcionários e aumentar o retorno financeiro aos investidores.

Fornece dados para a tomada de decisões

A gestão financeira depende do acompanhamento de uma série de métricas e indicadores acerca da empresa, tais como: percentual de rentabilidade, ativos e passivos de curto prazo, número de inadimplentes e assim por diante.

Esses mesmos indicadores são cruciais à atuação estratégica, otimizando a tomada de decisões e a obtenção de melhores resultados. Com as informações corretas, é possível decidir com maior agilidade e precisão, beneficiando o negócio.

Maximiza a competitividade da organização

É inegável que o mercado está mais competitivo. Nesse contexto, uma empresa que não gerencia de forma eficiente suas finanças, corre um sério risco de ser ultrapassada pela concorrência ou, ainda pior, pegar um breve caminho à falência.

A adequada gestão permite que a empresa disponibilize de mais informações e capital para atuar estrategicamente, se destacar no mercado e oferecer planos únicos aos seus clientes. Logo, torna-se possível assumir a vanguarda do mercado.

Gera maiores benefícios aos stakeholders

Uma boa gestão financeira não beneficia somente os sócios-investidores da empresa, porém todos os grupos que estão próximos a ela — como os clientes, com melhores condições de pagamento; os funcionários, com maiores salários e comissões; ou a sociedade em geral, que pode ser alvo de ações sociais ou ambientais.

Como pode observar, são diversos os benefícios de uma boa gestão financeira empresarial, que vão desde o sustento da liquidez do empreendimento até os benefícios dos vários stakeholders. Por isso, é importantíssimo investir no assunto!

Agora, aproveite para continuar aprendendo. Acesse outro artigo e descubra a importância da análise de dados para aumentar os resultados. Vamos lá!