Ambiente de trabalho: Hábitos que você deve evitar

Algumas atitudes no ambiente de trabalho causam muito desconforto nos companheiros. Outras, geram verdadeira aversão. Evitá-las, portanto, é essencial para o bem-estar geral.

Todo mundo tem pequenos defeitos e devemos aceitá-los, assim como queremos que respeitem nossas características individuais. Mas essa regra de tolerância e convivência não é desculpa para todo e qualquer tipo de comportamento.

O conselho é fazer uma autoanálise constante. Para ajudar, confira uma lista de comportamentos que são detestáveis no ambiente de trabalho na maioria das empresas, preparada pela Business Insider. Se você escorrega em alguma desses pontos, é hora de corrigir a falha.

Hábitos para evitar no ambiente de trabalho

Chegar atrasado

Pontualidade é fundamental e sinal de profissionalismo. Chegue sempre na hora e mostre-se prontamente disponível para fazer o que deve ser feito. Em reuniões, atrasos demonstram falta de respeito pelos colegas que chegaram no horário combinado e pelo organizador.

 

Fingir que está doente

Pega mal alegar indisposição e doença. Se toda semana você inventa uma desculpa dessa para não ir trabalhar fica difícil reivindicar depois a sonhada promoção.

 

Comer certos alimentos

Almoçar na mesa de trabalho nunca é um hábito saudável, mas se você não encontra tempo ou não tem outra opção, escolha as refeições com critério. Salada de atum, cebola crua, couve-de-bruxelas, peixe reaquecido, goiaba e outros alimentos com forte odor podem mexer incomodar as pessoas que dividem o espaço.

 

Ser constantemente negativo

Cuidado se você usa com frequência frases como “isso não vai dar certo” e “parece muito difícil”. Excesso de pessimismo pode fazer com que seja relegado em qualquer oportunidade de ascensão profissional. Evite também reclamar o tempo todo do trabalho, do chefe ou dos colega.  Se seguir assim, você logo vai começar a ser evitado por todos.

 

Distrair-se nas reuniões

Digitar no celular, responder e-mails, navegar na web ou conversar no programa de mensagens durante reuniões são atitudes que revelam falta de atenção, especialmente para o chefe.

 

Interromper os colegas

É indelicado interromper outras pessoas enquanto falam. Mostra que você não tem respeito pelos outros nem paciência para ouvir o que elas têm a dizer, mesmo que os pontos que está levantando em sua intervenção sejam pertinentes.

 

Ser espertalhão

Pegar carona em comentário de outros, corrigi-los ou, pior ainda, reformulá-los e proferi-los  como se fossem seus costumam irritar profundamente os companheiros de trabalho.

 

Parecer desleixado

Descuidar da higiene, vestir-se de maneira desleixada e deixar de lado algumas regras de etiqueta social, como arrotar em público, são consideradas atitudes grosseiras e prejudiciais para a carreira. Por outro lado, arrumar-se em público também não é recomendado. Precisa pentear o cabelo, retocar a maquiagem ou ajeitar a roupa? Vá ao banheiro.

 

Falar de problemas pessoais

Discutir dramas pessoais no trabalho não é uma boa pedida. O tempo no escritório deve ser gasto com o trabalho. Se você precisa conversar com alguém sobre um problema particular, procure-o fora do expediente. Da mesma forma, evite fazer chamadas telefônicas pessoais ou conversar em programas de mensagens no horário comercial.

 

Tentar vender coisas e ideias

Algumas empresas proíbem, mas mesmo quando não há uma desautorização explícita, é melhor não levar nada para vender no ambiente de trabalho. Além de ocupar tempo dos colegas, alguns podem sentir-se constrangidos a fazer uma compra. Da mesma forma, não é recomendável pedir que colegas de trabalho abracem causas para as quais você milita.

 

Ser desorganizado e espaçoso

Ter a fama de bagunceiro e porcalhão não é um ponto positivo na reputação profissional de ninguém. A mesa de trabalho desorganizada pode ser vista como um reflexo da sua personalidade. Usou o refeitório? Limpe tudo antes de sair. Se você compartilha o espaço de trabalho com outros, fique mais atento à organização e nunca sufoque os vizinhos com seus pertences.

 

Ficar bêbado na firma

Não é uma boa ideia ingerir bebidas alcóolicas no ambiente de trabalho, principalmente com frequência ou em grande quantidade.  A mesma recomendação vale para happy hours ou eventos e reuniões organizados pela empresa, incluindo as comemorações de fim de ano.

 

Falar de política

Mesmo que tenha construído relações sólidas, a ponto de achar que tem direito de expressar opiniões sobre outros temas além do trabalho, é bom saber que a liberdade de expressão nas empresas é limitada ou, muitas vezes, inexistente e as discussões acaloradas sobre política ou outros movimentos devem ser evitadas.

 

Ser barulhento

Tudo bem se você mantém ou até melhora sua produtividade quando ouve música, mas o barulho pode tirar o foco e a atenção dos colegas, atrapalhar conversas importantes e, em última instância, prejudicar os negócios.  Então, mesmo que esteja com fones de ouvidos, regule o volume para que o som não vaze. E fale sempre em tom baixo.

 

Repreender em público

Se você é chefe, jamais grite ou repreenda funcionários ou subordinados em público. Chame-os para conversas particulares e seja polido.

 

Conversas particulares ao telefone

Falar ao telefone ou enviar mensagens para amigos ou família durante o horário de trabalho certamente irá contra a política da empresa. Durante o descanso é aceitável, mas o ideal seria ter essas conversas fora da empresa.

Inscreva-se

Gostou deste post? Então se inscreva para receber quinzenalmente artigos, matérias e pesquisas da área de gestão de negócios. Aproveite também e siga nossas redes sociais como FacebookInstagram e Linkedin.